Embryo - A Step Beyond Divinity


Os Italianos Embryo estão de regresso com o seu quarto trabalho intitulado “A Step Beyond Divinity”, o primeiro a ser lançado debaixo do selo da Espanhola Art Gates Records. Com um lirismo baseado nas diferentes fases da vida de Leonardo da Vinci, este disco resulta em doze faixas tecnicamente bem elaboradas e de um peso avassalador.

O álbum começa com “The Same Difference” que nos mostra as linhas principais de todo este trabalho, um death sinfónico assente numa bateria demolidora e numa fortíssima guitarra, sempre bem acompanhadas pelo sintetizador cujo som de fundo ajuda a criar a imagem de paisagens sonoras distintas. Apesar dessa continuidade que se escuta ao longo das doze faixas, a banda encontrou ainda espaço para incluir outros elementos de cariz mais progressivo (“Vanguard For The Blind” e “Painting Death”) ou mesmo post progressivo (“Bastard Of The Brood”), reforçando a vertente técnica; de notar que mesmo nos momentos mais rápidos e diretos (por exemplo em “Overwhelming Your Disgust”) se consegue notar uma coesão com o todo devido ao cuidado que colocaram nos arranjos, fazendo com que o simples soasse grandioso. Tal como Leonardo foi um génio em diversas áreas também estas faixas derivam em vários sentidos, quer seja em intensidade ou em ambiência. Ali pelo meio existe uma curta e inquietante “Solitaria 1519” a anteceder “Leonardo” com uma entrada forte e de cadência igualmente poderosa, com um intermeio suave mas rapidamente explodindo em nova expiral de brutalidade. Outra faixa que é demonstrativa dessas alternâncias é “Witness Of Your Life”, com um maior destaque para a bateria e acompanhamento sorumbático do teclado.

Ao quarto registo os Embryo elevaram a qualidade do seu som, fruto do cuidado com que prepararam este álbum e das parcerias estabelecidas (a belíssima capa do álbum foi criada por Seth Siro Anton (SepticFlesh), não esquecendo toda a experiência adquirida na partilha de palcos com nomes como Keep of Kalessin, Melechesh, Nile ou Tribulation. Um nome a reter no espectro no death metal sinfónico atual.

\m/

Italian Embryo are back with their fourth album named “A Step Beyond Divinity”, the first to be released under Spanish Art Gates Records label. With lyrics based upon different phases of Leonardo da Vinci’s life this album leads to twelve tracks technically elaborated and with an overwhelming weight.

The album starts with “The Same Difference” that shows us the guidelines for this work, a symphonic death metal based in demolishing drums and strong guitar always well accompanied by the synthesizer whose background sound helps creating the image of different musical landscapes. Despite that continuity we can listen throughout the twelve tracks the band still managed to find space to include other prog elements (“Vanguard For The Blind” and “Painting Death”) or even post-prog (“Bastard Of The Brood”), strengthening the technical aspect; to notice that even in the fast and straightforward parts (for instance in “Overwhelming Your Disgust”) we can notice a cohesion with the all due to the carefulness they put in the arrangements making the simple to sound grand. As Leonardo was a genie in several areas also this tracks derive in several ways, whether in intensity or in ambiance. Somewhere in the middle there’s a short and disturbing “Solitaria 1519” preceding “Leonardo” with a strong entrance and powerful pace as well, with a soft intermezzo but rapidly exploding in a new spiral of brutality. Another track demonstrative of that changeovers is “Witness Of Your Life”, with more highlight to the drums and gloomy flanking of the keyboards.

At fourth record Embryo elevated their sound quality, as a result of all the caution they’ve prepared this album and the established partnerships (the beautiful art cover was created by Seth Siro Anton (SepticFlesh), not forgetting all the experienced gained by sharing stages with bands like Keep of Kalessin, Melechesh, Nile or Tribulation. A name to attain in modern death metal scene.

\m/